Campanha para Mel, Didi, Thor, Olaf e outros…

Caros amigos!

Temos vários animais em tratamento ou cirurgia. Destacamos abaixo alguns desses casos.

Agradecemos muito se puderem nos ajudar, mesmo que seja um valor modesto, para juntos somarmos forças.

Mel vivia nas ruas do Satélite Íris, não castrada, além de várias crias L, ela acabou contraindo TVT (tumor venéreo transmissível), que é tratável, em geral com quimioterapia, e com grande chance de cura. Porém, sem assistência, o tumor da Mel cresceu bastante, sangrava, exalava um odor forte, que atraia mais machos, e ela com dor sem ter como se defender nas ruas, sofreu muito L A Dalila, uma pessoa simples, a recolheu mas não tinha condições financeiras para consulta e tratamento e pediu nossa ajuda. Mel está internada na Dra Margareth Navi, já foi castrada e está recebendo boa alimentação e vitaminas, se fortalecendo para poder começar as sessões de químio. Precisará de várias por conta do tamanho do tumor. É um doce de cachorra. Com tudo que sofreu, demonstra afeto e gratidão.

 

O Didi vivia em situação de abandono numa comunidade carente. A protetora independente Doroteia pediu socorro. Não tínhamos como não assumir a cirurgia, que foi realizada de urgência, no último final de semana, em um hospital 24 horas, ficou internado dois dias e os valores são altos L.

 

O Thor viveu longo tempo nas ruas, passou muita fome e conheceu de perto a crueldade humana. Devido a uma doença genética, sarna demodécica, e as suas condições de vida, Thor foi ficando cada vez mais debilitado, suas feridas cheiravam muito forte, e para espantá-lo, as pessoas tacavam pedras para que ele não se aproximasse, sua pele sangrava devido às feridas. Estávamos lotados, sem recursos e lar temporário disponível, mas foi impossível não se sensibilizar e recolher esse anjo que morreria em tais condições. Uma voluntária dedicou-se a iniciar seu tratamento, foram meses de consultas, remédios, banhos e muito carinho. Porém, Thor precisa continuar recebendo cuidados e um tratamento específico para melhorar, agora passou a ser acompanhado pela Dra Carol Vital da Animal Help, fez novo exame de pele e vai começar o tratamento apropriado.

 

O Olaf foi resgatado aparentemente saudável, começou a apresentar sintomas de doença hepática. Ficou 10 internado em tratamento e com sonda alimentar, em um hospital veterinário. Infelizmente  não resistiu e acabou indo a óbito na semana passada. A conta será  parcelada mas o valor é alto. Tínhamos muita esperança, mas não deu. Foi uma tristeza muito grande termos perdido esse menininho bonzinho, vê-lo sofrer tanto e nos sentirmos impotente. L.

CONTAS DO GAAR:

BANCO ITAÚ (POUPANÇA)
TITULAR: GAAR GPO AP AO ANIMAL DE RUA –
CNPJ 04.825.442 0001-28
AGÊNCIA: 4518
CONTA POUPANÇA: 10587-1/500

BANCO DO BRASIL (CONTA CORRENTE)
TITULAR: CLÁUDIA – GAAR CAMPINAS
AGÊNCIA: 4850-X
CONTA: 5952-8

Favor enviar comprovante para ajudar@gaarcampinas.org informando que se destina a esta campanha.

Nossa gratidão pelo apoio!

 

GAAR – Grupo de Apoio ao Animal de Rua

Há mais de 16 anos protegendo quem não pode fazer isso sozinho!

Visite nossas feiras de adoção, bazar beneficente, acompanhe as ações do GAAR nas redes sociais

www.gaarcampinas.org

www.facebook.com/gaarcampinas

http://instagram.com/gaarcampinas

https://twitter.com/CampinasGaar

Adote um animal resgatado do abandono ou de maus tratos, dê uma chance a quem já sofreu!

O mundo fica melhor quando nos unimos pelo bem!

 

 

Comments are closed.